Ceará tem mais de 17 mil cadastros do Bolsa Família com indícios de irregularidades


O Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU) divulgou nesta quinta-feira (4) auditoria sobre os cadastros do Bolsa Família. Segundo o levantamento, há 34.906 com indícios de sub declaração de renda, o que, segundo o órgão, representa pagamentos indevidos de até R$ 1.3 bilhão em dois anos.
Desse total, 17.305 são no Ceará, o terceiro com mais casos no Nordeste, atrás apenas de Pernambuco (26.839) e Bahia (39.759). A região é a que mais tem supostas irregularidades, somando 141.789 à frente do Sudeste, que é o mais populoso e tem 117.573.
A CGU comparou as rendas registradas em outras bases de dados oficiais – como a base de declarantes de Imposto de Renda da Receita Federal e o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) – com as que foram declaradas no Cadastro Único.
A partir de agora será feita uma investigação e, se as irregularidades forem comprovadas, o Governo Federal deve acionar os beneficiários legalmente pedindo a devolução de valor e a impossibilidade de retornar ao programa por um ano.

Fonte:Ceará News7

Ceará tem mais de 17 mil cadastros do Bolsa Família com indícios de irregularidades  Ceará tem mais de 17 mil cadastros do Bolsa Família com indícios de irregularidades Reviewed by Fabiano Silva on 07:09:00 Rating: 5

Nenhum comentário