Polícia Militar evita protestos de torcedores na sede do Ceará


Se a noite anterior foi marcada pela derrota para o América/MG,muita revolta, protestos, tentativa de invasão de vestiários no Castelão e pichação de muros, nesta quarta­feira, 12, o clima na sede do clube está tranquilo. O motivo, contudo, é devido à presença da Polícia Militar. Quatro viaturas com mais de uma dezena de policiais fazem a segurança nesta tarde, quando o elenco alvinegro se reapresentou, no Estádio Carlos de Alencar Pinto. Se não bastasse, três viaturas foram avisadas de uma concentração de torcedores na praça do Benfica. O grupo se preparava para caminhar até a sede do clube e iniciar as manifestações, mas foram impedidos pelos policiais. A segurança foi reforçada em Porangabuçu para evitar justamente possíveis protestos mais violentos. Depois da derrota para o América/MG, torcedores tentaram invadir os vestiários do time no Castelão. Além disso, as pichações com dizeres de “a violência voltou”, provocaram o pedido de escolta policial. De acordo com o departamento de comunicação do Ceará, a diretoria do clube não vai se pronunciar sobre as manifestações dos torcedores. No trabalho desta tarde de quarta­feira, nenhum dirigente apareceu para conceder entrevista. O Ceará, que é o lanterna da Série B do Brasileiro com apenas 11 pontos, volta a campo no próximo sábado, às 21h, diante do Macaé, no Rio de Janeiro. *Por volta das 18h15, alguns torcedores passaram pela Avenida João Pessoa e soltaram alguns fogos de artifício para dentro do campo anexo do Estádio Carlos de Alencar Pinto. O elenco, contudo, que já havia encerrado as atividades, treinou no campo principal.

Fonte: Diário do Nordeste /Verdes Mares
Polícia Militar evita protestos de torcedores na sede do Ceará Polícia Militar evita protestos de torcedores na sede do Ceará Reviewed by Fabiano Silva on 21:17:00 Rating: 5

Nenhum comentário